Contador, Você é Empreendedor?


Muito provavelmente você já ouviu alguém balbuciar em algum lugar que “empreendedor gosta de correr riscos”.

Bobagem! Não caia nesta conversa fiada, a menos que queira experimentar momentos de extrema dificuldade.

Nestes mais de vinte anos de mercado jamais vi alguém dizer que iria investir em determinado empreendimento pois estava dormindo muito bem e queria perder algumas noites de sono. Empreendedor gosta mesmo é de resultado.

Acontece que empreendedor tem algumas características que o diferenciam das demais pessoas.

Vou tentar trazer algumas aqui que eu considero que quando as identificar em você poderão transformar a forma como se vê.

Temos um poder de enxergar oportunidades muito maior que outras pessoas e isso pode ser benção e maldição ao mesmo tempo. A mente de um empreendedor reconhece oportunidades em tudo o que vê. Para exemplificar, imagine que você está olhando para uma parede branca e nela saltam manchas coloridas de tinta como se alguém estivesse com galões de diversas cores jogando desordenadamente ali. Agora veja a parede branca como o mercado, o dia a dia do empreendedor, e as manchas de tinta cada oportunidade que ele enxerga.

Isso pode ser benção quando ele identifica uma ou algumas oportunidades e foca naquela ou aquelas até fazer o resultado e escalonar.

Vou te dar um exemplo: Um dia gravei um vídeo e publiquei, ajudando contadores iniciantes a economizar com seus gastos no momento de montar estrutura e divulgação [ASSISTA AQUI]. Lá eu explicava que poderiam contratar serviços de diversos tipos pela internet em um determinado site. Um dos meus alunos identificou uma oportunidade, não de economizar, mas de empreender ali. Algum tempo depois me escreveu dizendo que através daquele serviço que ofertou lá, fechou vários outros negócios de consultoria em diversos estados.

Por outro lado, se torna uma maldição de duas formas. A primeira é quando isto gera uma confusão mental e ele não consegue escolher um foco e não aproveita nenhuma das oportunidades. A segunda é quando ele quer abraçar o mundo e fica pulando de oportunidade em oportunidade e jamais finaliza um projeto. Fica sempre olhando para a próxima oportunidade e esquece de fazer direito o que se propôs.

Te dou um exemplo: Durante alguns anos eu assessorei uma agência de marketing digital. Um dos sócios um empreendedor com muitas qualidades. Uma mente fantástica. Porém de tempos em tempos ele aparecia com uma ideia de negócio que o iria deixar rico em pouco tempo. Era nesse momento que eu precisava trazê-lo para a esfera do compromisso e do foco. Muitos empreendimentos ao mesmo tempo tirariam o foco e sugariam a energia dele. Algumas vezes assumiu o risco e investiu por conta própria, no entanto tempos depois teve que abrir mão de muita coisa por causa dos problemas gerados.

Empreendedor sabe que é melhor ter a metade de alguma coisa agora do que 100% de nada no futuro. Explico: Erico Rocha não se cansa de repetir que “Feito é Melhor Que Perfeito”. E realmente é isso mesmo. Um empreendedor sabe que é preciso por seu produto ou serviço no mercado para ser testado e à medida em que recebe feedbacks, cuida da melhoria contínua.

O sucesso persegue àqueles que tiram a bunda da cadeira e fazem, ou àqueles que sentam a bunda na cadeira e fazem.

De que adianta você dedicar anos na produção de um produto tentando buscar a perfeição e alguém vem e lança algo similar antes de você e começa a faturar. Quando você lançar será apenas um imitador tentando se aproveitar do vácuo deixado pelo primeiro. Uma ideia posta em prática com todas as forças agora é melhor que o plano perfeito a semana que vem.

Empreendedores sabem quo o amanhã não existe. Conheci muitas pessoas que ficavam observando o sucesso dos outros ao seu redor e diziam: “Ano que vem eu vou pedir demissão e começar meu negócio”. Acontece que nunca o fizeram e muito provavelmente vão se aposentar pelo INSS em seus empregos. Um empreendedor sabe muito bem que é preciso ação imediata.


Não é o fato de sair destrambelhado fazendo de qualquer jeito e sem direção. Porém o sucesso persegue àqueles que tiram a bunda da cadeira e fazem, ou àqueles que sentam a bunda na cadeira e fazem. O que eu estou falando é que a ação é fator chave para o sucesso. Eu jamais vi alguém aprender a nadar apenas lendo um livro sobre natação. Então se você tem uma boa ideia, ao terminar de ler este artigo, escreva nos comentários que vai por em prática, e comece. Depois volte e me conte como está indo. Aliás, as tuas iniciativas foram postas em ação quando passou do título deste post.

Desejo que tenha gostado deste post. Por isso a sua opinião é fundamental para que eu possa saber se estou fazendo a coisa certa. Deixe seu comentário logo abaixo.

Abraço!

Gilberto


#contador #contadora #empreendedor #empreendedorismocontábil #empreendedorismo

212 visualizações